13.01.2020

Maria atrai a si os corações juvenis

de Ir. M. Rebecca Sampang

Festival da juventude católica

Este festival  da juventude católica da Austrália – ACYF – acontece a cada dois anos, como uma oportunidade para se encontrar com Jesus e celebrar a  fé. Este ano, realizou-se em Perth e o lema foi:

“Ouça o que o Espírito nos diz.”

Preparamo-nos para receber 5.500 jovens, vindos de  mais de 80 cidades. Na infraestrutura e na  organização, estavam as Comunidades Religiosas, os Movimentos católicos e varios outros grupos. Nosssa Família de Schoenstatt tamvém se engajou, a fim de compartilhar com os jovens australianos o nosso amor a Schoenstatt, ao Santuário, à Mãe Três Vezes Admirável e ao nosso Fundador.

… atrairei a mim, os corações juvenis

Fazia parte da preparação, uma súplica para que a Mãe e Rainha atraisse a si os corações juvenis. E ela, de fato, o fez!

Guilherme Dias, um casal brasileiro schoenstatiano que reside na Austrália, comentou: “Ficamos feliz de estar na comissão do ACYF e representar  o Movimento! No primeiro dia, recebemos centenas de visitas e muitos se interessaram pelo painel sobre o Rosário.  Com isto, tivemos também a oportunidade de falar  sobre Schoenstatt, o que alegrou muito!”

Manoela Costa Pereira,  da juventude de Schoenstatt, fez uma boa experiência ao poder falar sobre Schoenstatt.  “Vi que muitos jovens ficaram fascinados pela rica espiritualidade. Foi um desafio para mim falar em inglês, pois faz apenas quatro meses que cheguei do Brasil. Contudo, tenho a certeza que o Espírito Santo e nossa Mãe atuaram por mim. Após a apresentação do painel sobre o Rosário, os jovens podiam pegar os informativos sobre Schoenstatt, novenas, livretos etc. Se quisessem, podiam escrever os seus pedidos de oração à Mãe de Deus. Nós levamos esses pedidos para o Santuário. Foi confortador ver o recipiente de vidro repleto dos bilhetes.”

Na bolachinha, em forma de Santuário, uma palavra pessoal do Fundador

Antes da partida dos jovens, a senhora Lina Woodbrook, da Obra das Famílias de Schoenstatt, ofereceu bolachinhas, com os pesamentos do Pe. Kentenich – um verdadeiro “telefoninho do Pai” .

Porque amo a nossa Mãe

Como Irmãs de Maria e membros do Movimento Apostólico de Schoenstatt testemunhamos o amor a Schoenstatt, por meio de muitas iniciativas, especialmente, pela missão de ser Maria hoje e pelo Santuário como lugar de graças. Um jovem disse: “Vou de vez em quando ao Santuário, com  minha família, porque amo este lugar”. Bispos, sacerdotes e seminaristas, religiosas, passaram por nosso  Stand e  quando viam nossa imagem da MTA simplesmente expressavam: “Amo nossa Mãe Maria”.

Não se pode conservar Schönstatt apenas para si

Antoinette Donegan, jovem mãe de Schönstatt, conclui: “Esta parece ser uma ótima oportunidade de compartilhar  Schoenstatt. Não se pode conservar algo tão admirável apenas para si mesmo.”