06.08.2019

Dirigentes de Schoenstatt “Geração Z” visitam nossa Casa Mãe

de Ir. Rosa María Lamberti

Um grupo de 15 jovens, vindos da Argentina, Chile, Costa Rica, Equador, México, Paraguai e USA, participam da Escola de Dirigentes, em Schoenstatt, na Alemanha. No dia 12 de julho, eles visitam nossa Casa Mãe, no Monte Schoenstatt, acompanhados pelo Pe. José Luís Zabala.

Queriam conhecer mais de perto o Instituto das Irmãs de Maria, em especial, sobre nossa forma de exercer a liderança. O encontro teve início na capela da Casa, onde, cada dia as Irmãs começam suas atividades, com a oração comunitária e a Eucaristia, na qual renovam a missão de conduzir as pessoas para Deus, por meio de Maria.

Após um lanche, os jovens conheceram nossa forma de viver e praticar a liderança por nosso ser e em nossos campos de trabalho. Acentuamos a autoeducação, no uso das mídias digitais, pois só pode ser dirigente quem se auto educa e confirma com sua vida o que anuncia. Nesta época, em que os meios digitais, as redes sociais, ocupam um lugar central – sobre tudo na vida da “Geração Z”, ou os “centennials” – precisamos ver nisto uma chance enorme para exercer liderança, guiando a partir destes meios, aqueles que nossa Mater Ter Admirabilis nos confia na Aliança de Amor. Ela foi, como disse o Papa Francisco no Panamá, “a ‘influencer’ de Deus”. Também nós, por Schoenstatt, podemos ser “influencers”, como Ela e nela, por meio da Aliança de Amor vivida – também nas redes sociais.

Em seguida, os jovens compartilharam as suas experiências na prática da liderança schoenstattiana nas redes sociais, como também os desafios que se apresentam para sua geração de “centennials” neste âmbito, e fizeram muitas perguntas, por exemplo: Quanto tempo dura até que uma Irmã seja perpetuamente incorporada? Como descobrimos a nossa vocação? Que conselhos podemos dar para crescer em um relacionamento pessoal com a MTA e com nosso Pai e Fundador, o Padre Kentenich? Foram diálogos de muito conteúdo, em um clima de alegria, de família, tal como acontece quando a MTA e o Padre Kentenich estão presentes.

Ao final, eles agradeceram pela acolhida e os conteúdos que lhes proporcionamos, e nós lhes agradecemos pela visita e o enriquecimento que nos deixaram pelas experiências compartilhadas. Comprometemo-nos em continuar rezando pela fecundidade de sua Escola de Dirigentes.