19.05.2019

Maria, Rainha de maio

de Irmã M. Emily Kenkel, Waukesha, Wisconsin, EUA

Um impulso para o mês de maio

O mês de maio é, na Igreja Católica, pelo menos no hemisfério norte, tradicionalmente dedicado à Mãe de Deus. É o mês em que floresce vida nova ao nosso redor e a primavera com sua força e beleza esplode. Paróquias, grupos, famílias e pessoas individualmente presenteiam à Mãe de Deus, em maio, muitas vezes com uma coroa de flores e a veneram como Rainha da criação e sua mais bela flor. Maio é o mês em que, em nossos corações, deve ser reacendido o amor a Maria.

Maria é em primeiro lugar nossa Mãe. Sua tarefa como Mãe é dar-nos a vida – despertar a vida da graça em nossa alma, nos proteger e cuidar. Padre Kentenich diz:

Deus nos deu Maria como Mãe, como Mãe no verdadeiro sentido da palavra, assim, Ele também quer que nós a amemos realmente como nossa Mãe …Pelo fato de ela ser realmente a nossa Mãe, a Mãe da vida divina em nós, ela tem uma verdadeira maternidade, uma tríplice tarefa para conosco: ao pé da cruz ela nos intercede a vida divina, ela merece conosco e por nós essa vida divina e a alimenta constantemente. Por meio da mediação de graças ela tem de nos formar como imagens perfeitas de Jesus Cristo, até que, em todas as situações, sejamos um com Ele. Ela é e sempre será nossa Mãe Três Vezes Admirável (JK. Maria, Mãe e Educadora).

Como Mãe da vida divina em nós, é sua tarefa nos guiar, para que descubramos o plano de Deus em nossa vida – a vocação, que Ele previu para nós. Padre José Kentenich diz:

Precisamos da Mãe de Deus, isto dizem os jovens …nossos rapazes e moças. Sem a Mãe Três Vezes Admirável será impossível conservar o lírio da nossa pureza e conservá-la sem mancha … impossível, nos preparar para as lutas da vida pessoal, ou – se Deus assim o quer – escolher uma vocação sacerdotal ou religiosa. (JK. Maria Mãe e Educadora)

Maria também é nossa Rainha. Ela tem o poder real sobre nossos corações! Ela rege sobre nós e vigia sobre nós. Além disso, ela tem, como Mãe de Jesus, uma grande influência sobre o coração de Deus e coloca diante de seu trono, sempre denovo, as nossas intenções.

Então, não deveríamos confiar aos seus cuidados as nossas interrogações?

Em tempos difíceis, Padre Kentenich, muitas vezes nos estimulou a coroarmos a Mãe de Deus, como sinal de que reconhecemos o seu poder de Rainha e confiamos nele, que ela vencerá. Algumas jovens, de diversas nacionalidades, decidiram-se a oferecer uma coroa à Mãe de Deus com o pedido de que ela lhes mostre claramente a sua tarefa de vida e prepare os seus corações para esta tarefa. Que lindo sinal de confiança!

E finalmente Maria é também modelo da dignidade feminina.

Ela nos mostra, o que significa, ser inteiramente mulher num tempo em que a imagem da mulher muitas vezes é distorcida. Ela é o modelo de
uma autêntica mulher e mãe,
uma autêntica mulher educadora e
autêntica mulher consagrada.
Resumindo, ela está diante de nós como o modelo de todas as vocações femininas.

Neste mês de maio queremos ir com Maria, nossa Mãe e Rainha, nosso modelo de vida e deixar que ela nos conduza em nossa vida, tarefa e missão.