23.02.2018

“Para ti acorrem todos os povos …”

de Ir. M. Josit Treese

Santuário de Schoenstatt, Casa Mariengrund, Münster

Vivências junto ao Centro de Schoenstatt na Casa Mariengrund

“Para ti acorrem todos os povos…

…trazei ofertas de gratidão, penetrai em suas portas, contemplai a glória de Deus“, assim se expressa um canto de peregrinação da Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável de Schoenstatt. Assim como o Santuário em Schoenstatt atrai pessoas de todas as nações, o mesmo acontece com a Capelinha, junto ao Centro de Schoenstatt da Casa Mariengrund em Münster, Alemanha. Ir. M. Josit relata sobre o seu encontro internacional junto ao Santuário:

Visitas da Síria, Nigéria e Vietnã

 Em um abrigo para refugiados, atrás do Santuário, temporariamente, morou um jovem sírio, membro da Igreja Síria Ortodoxa, que diariamente trazia as suas preocupações e aflições pelos seus familiares, pela continuidade de sua formação profissional e também por sua desilusão amorosa. Morava ali também um sacerdote da Nigéria, que queria fazer o seu doutorado  e,  regularmente, presidia a Santa Missa no Santuário. Um dia, apareceu também no Santuário um Padre vietnamita, da Congregação do Verbo Divino. Quando contei-lhe sobre o  hino à Maria, que nossa Irmã vietnamita, Ir. Maria Gorettie, cantou na celebração do jubileu de 100 anos de Schoenstatt,  ele se apresentou como o autor e compositor deste canto Mariano e disse que conhece essa nossa Irmã.

Um mexicano na terra de Münster

Numa manhã, participou na santa Missa conosco, no Santuário, um senhor desconhecido, que eu pensei ser um indiano.  Ele apresentou-se como mexicano, disse que morou há anos aqui em Münster e que, quando ele está por aqui, vem sempre ao Santuário.

 Recordações da infância de um canadense

Há pouco tempo, recebemos um E-mail, no qual uma senhora do Canadá perguntava a que horas o Santuário é aberto. Ela falou que morava aqui perto em sua infância  e que, seguramente, já esteve centenas de vezes no Santuário. E que agora poderíamos encontrá-la novamente ali, pois estava em visita à sua Pátria. Por meio de uma amiga brasileira, conheceu e pertence agora ao círculo dos peregrinos, no Canadá.

Jovens polonesas fazem adoração noturna

Durante a noite de adoração, no Santuário, vieram participar quatro jovens da Polônia. Elas estavam rezando e disseram que iriam para uma festa, mas, em seguida regressariam. De fato, pelas 3 horas da madrugada, elas voltaram e trouxeram outras jovens, que rezaram concentradas. Uma das polonesas disse que vinha da região missionária polonesa de Dortmunde, e que pertence ao Movimento de Schoenstatt, que elas recebem a Mãe Peregrina e  já estiveram em Schoenstatt.

Encontro internacional pela Paz no Mundo

Um dos grandes acontecimentos, no ano passado, foi o Encontro Internacional pela Paz no Mundo, que a Comunidade Santo Egidio, com o Bispo dessa diocese, promoveram em Münster e Osnabrück.  Vieram ao Santuário pessoas da Bélgica, Áustria e Tchecoslováquia. Pude falar para elas sobre os Centros de Schoenstatt em suas Pátrias. No encerramento do Encontro se reuniram os representantes das diversas religiões, na praça – diante da Sala da Paz – em Osnabrück para ler o documento que elaborado em comum, pelos líderes religiosos, no qual eles se comprometem, em nome de Deus, de se empenhar pela paz.  Durante essa leitura, surgiu um arco-íris, como que para confirmar o desejo comum pela Paz. Que também o nosso Santuário de Schoenstatt, para o qual acorrem peregrinos de tantas nações, contribuir para edificar, entre as nações e culturas, a Cultura da Aliança.

Casa de Formação Mariengrund, em  Münster